Acesso Webmail
Notícia

Notícia


Imagem destaque notícia Recuperação de Área Degradada é executada na Semana do Meio Ambiente

Recuperação de Área Degradada é executada na Semana do Meio Ambiente

09/06/2017 - 09:07 Agropecuária e Meio Ambiente

Recuperação de Área Degradada é executada na Semana do Meio Ambiente

Dando sequência às atividades comemorativas da Semana Mundial do Meio Ambiente, a Prefeitura Municipal de Araporã, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, realizaram na tarde de quarta-feira (07), a execução do Projeto de Recuperação de Área Degradada (PRAD). O projeto tem como objetivo reflorestar áreas de preservação permanente que sofreram degradação ou danos ambientais em decorrência do desmatamento, incêndio, lixos e outras intervenções humanas. O projeto será finalizado nos períodos das chuvas, com diversos outros parceiros.

O secretário da pasta, Luiz Carlos Guerino, afirmou que o objetivo é reflorestar todas as áreas degradadas até o fim deste ano. O evento foi realizado em parceria com professores e os alunos do Curso Técnico em Agropecuária, da Escola Municipal Formação Técnica Profissional José Inácio Ferreira, que além de participar do plantio das mudas, auxiliou cerca de 100 pessoas presentes com as técnicas de plantio, dentro os quais, secretários municipais

Também prestigiou o evento o produtor rural João Ferreira da Costa Júnior “Jola”, os cooperados da Cooperativa de Triagem e Reciclagem Nascer do Sol (CooperSol), representantes da Secretaria de Esporte e Juventude, Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente.

O secretário Luiz Carlos Guerino, representou a prefeita Renata Cristina Silva Borges, afirmando que esta é apenas uma pequena ação, capaz de mudar o cenário da cidade, e que se cada um der a sua contribuição, plantando apenas uma árvore, o planeta estará a salvo. Luiz Guerino também aproveitou o momento para prestar uma singela homenagem à Senhora Benvida Luiza de Araújo, 77 anos, que é pioneira nas ações de proteção, reflorestamento, e preservação do Meio Ambiente. Dona Benvinda disse que plantou sua primeira árvore com oito anos de idade e nunca mais parou.

A diretora de Meio Ambiente e Recursos Hídricos e uma das autoras do projeto, Elaine Santos, disse que se sente feliz e motivada, pois acredita na continuação da vida, na conciliação entre o homem e a natureza, e finalizou que os 30 alunos da escola técnica envolvidos no projeto, e a prova que o futuro já é presente, nesta geração.  

Cidade de Araporã

É pra você que a gente trabalha!

Últimas notícias